Terça-feira , 17 de Setembro de 2019

MÍDIA CENTER

Targino Machado saúda Ipecaetá

Publicado em: 19/07/2019 17:16
Setor responsável: Notícia

Divulgação/AgênciaALBA
A passagem do 57º aniversário do município de Ipecaetá, comemorado no dia 19, foi parabenizada pelo deputado Targino Machado (DEM) em moção de congratulações apresentada na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA). “Ao povo hospitaleiro de Ipecaetá, cidade genuinamente baiana, presto esta homenagem pelos 57º anos de emancipação política”, declarou.

No documento, o parlamentar explica que o município foi habitado inicialmente pelos índios Ipecas (termo que corresponde à palavra pato). O território onde está Ipecaetá começou a ser mais desbravado em 1889, quando Antonio Luis de Cerqueira (conhecido como Totonho do Pirim) deu início à pequena comunidade em meio à caatinga semiárida.


No ano de 1914, os novos moradores construíram a Igreja de Nossa Senhora de Lourdes, subordinada à paróquia de Santo Estevão. Em 1933, pelo Decreto 8389, o local alcançou o nível de distrito nominado de Patos e subordinado ao município de Cachoeira. 


Dois anos depois, a localidade passou ao domínio de Santo Estevão. A mudança do nome para Ipecaetá, vocábulo tupi que significa "planta de casca grossa", foi realizada em 1943. Em ascensão crescente, o lugar foi elevado à categoria de município no dia 19 de julho de 1962 através da Lei Nº 1.726. A agricultura está entre os componentes da economia local. 


Compartilhar: