Quarta-feira , 29 de Junho de 2022

MÍDIA CENTER

Eleição do novo presidente do TJB é destacada na AL

Publicado em: 09/12/2005 13:58
Editoria: Diário Oficial

Luciano: coroamento de um trabalho sério
Foto: null
A eleição do desembargador Benito Alcântara de Figueiredo para a presidência do Tribunal de Justiça da Bahia (TJB), no biênio 2006-2008, foi destacada na Assembléia Legislativa pelo deputado Luciano Simões (PMDB). Ele apresentou uma moção de congratulações que, conforme explicou, "traduz o reconhecimento desta Casa legislativa a um trabalho sério, competente, vitorioso e responsável, de resultados corajosos, firmemente realizados por este digno magistrado".

Benito Figueiredo nasceu na cidade de Macaúbas, interior da Bahia, no dia 10 de novembro de 1937. Diplomou-se em Direito pela Universidade Federal da Bahia (Ufba) em 1960. Foi promotor de Justiça em Oliveira dos Brejinhos e Bom Jesus da Lapa. Ingressou na magistratura em 1964, atuando nas comarcas de Paramirim, Caculé, Caetité e Itabuna. Em Salvador, foi titular da 1ª Vara Distrital de Itapagipe, 2ª Vara da Família, 11ª Vara de Substituições e 9ª Vara Cível.

Foi promovido a desembargador pelo critério de antiguidade, em fevereiro de 1997, assumindo no dia 10 de março com exercício da 2ª Câmara Criminal. Participou como palestrante de encontros de magistrados, cursos e conferências promovidos pelo Tribunal de Justiça da Bahia, Corregedoria Geral da Justiça e Escola de Magistrados da Bahia. É membro da Comissão Especial para Assuntos de Família, Infância e Juventude (Cefij) desde a sua criação, conforme os dados contidos no documento do parlamentar peemedebista.

O presidente eleito do Tribunal de Justiça da Bahia é autor de três livros publicados: Padronização das Decisões Judiciais, Despachos e Sentenças ? Cível e Despachos e Sentenças ? Família. Poliglota, Figueiredo fala fluentemente inglês, francês, russo, italiano e esperanto.

 



Compartilhar: