MÍDIA CENTER

Tavares felicita Mutuípe, Ibititá e Ibipeba pelo aniversário de emancipação

Publicado em: 21/10/2021 06:50
Editoria: Notícia

Deputado Pedro Tavares (DEM)
Foto: Arquivo/ASCOM

O deputado Pedro Tavares (DEM) inseriu, na ata dos trabalhos da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), moções de congratulações parabenizando a população dos municípios de Mutuípe, Ibititá e Ibipeba pelo aniversário de emancipação política. Nos documentos, o parlamentar conta a história do surgimento dessas cidades e como se deu o desenvolvimento econômico ao longo do tempo.

No dia 12, Mutuípe completou 95 anos da conquista da liberdade administrativa. Localizado na região centro-sul do estado, no Vale do Jiquiriçá, distante 235 km da capital Salvador e fazendo limites com Lage e Jiquiriçá, o município possui uma população estimada em 22 mil habitantes. Sua história tem origem na aldeia de índios cariris, adquirida em 1860 por Manuel João da Rocha, que passou a ser conhecida por fazenda Mutum. Posteriormente, transformou-se em Mutuípe, denominação dada pela grande quantidade dessa espécie de aves na região.

Depois do desmembramento de Jiquiriçá, o desenvolvimento de Mutuípe ocorreu em função do ciclo do café, fumo, laranja, mandioca e cacau, este último fruto levando o município à prosperidade econômica. “Muito me orgulha parabenizar esta cidade tão querida e a todo seu povo, o qual sempre me depositou confiança para exercer meu mandato. Dessa forma, sempre me empenhei e cada vez mais me dedicarei para buscar e lutar pelo progresso desse município que tanto tenho apreço", manifestou o democrata, que pediu, após a tramitação regimental, dar conhecimento da presente iniciativa ao prefeito Rodrigo Maicon Andrade (Digão), ao vice-prefeito Roque Ramos dos Santos, à imprensa oficial do município e a todos os membros da Câmara de Vereadores.

IBITITÁ

O presidente da Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo da ALBA também registrou uma moção de congratulações saudando a população de Ibititá pela data magna de 17 de outubro do corrente ano, quando a cidade celebrou o aniversário de 60 anos de emancipação política e administrativa. Ibititá faz parte da região centro-norte do estado, na microrregião de Irecê, e fica distante cerca de 500 km da capital baiana. Com uma população de aproximadamente 19 mil habitantes, o município faz limites com Lapão, Canarana, Barro Alto, Ibipeba, Uibaí e Presidente Dutra.
O legislador lembra que Ibititá foi fundada pelos irmãos Martiniano Marques Dourado, Benigno Marques Dourado, José Rufino Dourado e Manoel José de Oliveira. Vindos de Macaúbas, eles avistaram grande quantidade de rocha, formando caldeiros, em que poderia ser represada água das chuvas. A economia do município de Ibititá é baseada na agricultura, destacando-se na produção de feijão e mamona, sendo considerado em 2004 o maior produtor brasileiro.
“Alegro-me imensamente em felicitar este município e toda sua população, uma localidade onde sempre tive total apoio, para que eu pudesse exercer meu mandato com altivez e dedicação, em busca das melhorias e do progresso que esta terra tanto necessita”, declarou Tavares, solicitando que a proposição seja encaminhada para o vereador Paulo Dourado e a todos os integrantes da Câmara de Vereadores, além do líder político Afonso Ferreira Mendonça, à imprensa oficial e aos cidadãos de Ibititá.

IBIPEBA

Há 60 anos Ibipeba passou a gerir o seu próprio destino. Em 19 de setembro passado, a cidade completou mais um aniversário da emancipação política, data que também mereceu, em forma de moção de congratulações protocolada na Casa Legislativa, a homenagem do deputado Pedro Tavares. 

Nos idos de 1884, relata o parlamentar, um grupo de caçadores, chefiados por José Antônio Alves Barreto, avistou um rebanho de bodes e uma lagoa rodeada por um capim denominado Tiririca. Deram, então, seu primeiro nome de Tiririca do Bode e depois foi modificado para Tiririca do Assuruá. Essas terras pertenciam a Xique-Xique e, aos poucos, começaram a ser colonizadas por diversas famílias.

Localizado na microrregião de Irecê, a 515 km de Salvador, Ibipeba tem 18.563 habitantes e conseguiu sua elevação à categoria de cidade, desmembrando-se do município de Gentio do Ouro, por força da Lei Estadual nº 1482. De clima semiárido, o município possui como ocorrências minerais, chumbo e cristal de rocha. A vegetação é caatinga arbórea aberta, sem palmeiras, e o relevo é composto da Chapada de Irecê, Serras da Borda Ocidental do Planalto da Diamantina, mantendo-se suavemente ondulado e, na região de Mirorós, fortemente ondulado.

“Fico feliz em saudar este município e todo seu povo, uma vez que, desde o meu primeiro mandato como deputado, sempre tive a consideração dos seus moradores para que pudesse lutar por essa terra e por esse povo que tanto admiro, por ser ordeiro e muito trabalhador’, concluiu o deputado democrata, solicitando que a Mesa Diretora divulgue esta moção a todos os membros da Câmara de Vereadores, à imprensa local e aos munícipes de Ibipeba.



Compartilhar: