Segunda-feira , 23 de Maio de 2022

MÍDIA CENTER

Bira Corôa propõe homenagem póstuma para Antônia Garcia

Publicado em: 29/12/2021 19:14
Editoria: Notícia

Deputado Bira Corôa Lula (PT)
Foto: AscomALBA/AgênciaALBA
A socióloga Antônia dos Santos Garcia foi fundadora do Partido dos Trabalhadores e a primeira mulher a presidir a legenda em Salvador. Mulher que dedicou a vida à militância política e comunitária, morreu aos 73 anos, na capital no dia 5 de dezembro, vítima de câncer. Ao longo desta semana, ela vem recebendo homenagens dos mais diversos setores e foi no sentido de celebrar a sua memória que o deputado Bira Corôa Lula (PT) apresentou projeto de lei propondo que o Centro Cultural de Plataforma seja denominado de Antônia Garcia.


Além de atuar na política partidária, Antônia Garcia aliava a sua formação acadêmica à luta diária em favor da democracia e dos mais necessitados. Nascida em Cachoeira, no 13 de junho de 1948, tornou-se líder popular do Subúrbio Ferroviário de Salvador, ao se mudar para lá em 1976, dedicando-se ao combate à desigualdade, e à injustiça social, sendo precursora dos debates sobre o direito à cidade.


Durante sua trajetória de militância, fez parte do movimento de mulheres, da Associação de Mulheres de Plataforma e, mais tarde, da Associação dos Moradores de Plataforma (Ampla). Também presidiu a FabS (Federação das Associações de Bairros de Salvador), dirigente da CUT, integrante da Secretaria de Mulheres do PT e Secretária Municipal da Reparação.



Bira ressaltou em seu projeto a “grande trajetória política e acadêmica, e um lindo trabalho em prol das mulheres negras, contra o racismo, o machismo, as desigualdades e a injustiça social”.




Compartilhar: